Sábado, 20 Janeiro 2018

Mais de 100 mil m² de vias nos bairros do Bom Retiro, São Jorge e Caneleira (Zona Noroeste) e no entorno de dois importantes equipamentos turísticos da Cidade, o Jardim Botânico Municipal e o Engenho dos Erasmos, serão pavimentadas com recursos do fundo do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (Dade). Os convênios entre a Prefeitura de Santos e o Governo do Estado para a liberação de R$ 7,7 milhões foram assinados ontem (quarta, 14), no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo.

“Os convênios vão permitir a Santos realizar obras fundamentais na Zona Noroeste. São quase R$ 8 milhões de recursos do Governo do Estado, essenciais num momento deste de grandes desafios”, disse o prefeito Paulo Alexandre Barbosa, destacando que o Bom Retiro será totalmente revitalizado e o São Jorge receberá pavimentação após quase 30 anos.

“É muito importante trabalhar junto com as prefeituras, para poder fazer mais e melhor para nossa população”, ressaltou o governador Geraldo Alckmin, que acredita no investimento em obras para beneficiar o turismo e, assim, ajudar os municípios a superarem a crise econômica que o País atravessa. “Turismo é fonte de emprego e renda”, complementou Alckmin. Dados da Secretaria de Estado de Turismo apontam que o setor movimenta mais de um milhão de empregos diretos em todo o estado.

Obras

Ao todo, foram formalizados doze convênios entre o Governo do Estado e as cidades de Santos, Ibirá, Ibitinga, Itanhaém e São Pedro, totalizando R$ 15,1 milhões. Dos R$ 7,7 milhões destinados a Santos – município com maior volume de investimentos - R$ 3,8 milhões servirão para a revitalização do Bom Retiro, com pavimentação em 50,9 mil m² de vias públicas, novas sarjetas em 14,1 mil m², nivelamento de 226 tampões de poços de visita, reforma de 214 bocas de lobo e desobstrução de 4,9 mil metros de galerias pluviais.

A outra parte, R$ 3,9 milhões, servirá para revitalizar ruas da Caneleira e do São Jorge e os acessos ao Engenho dos Erasmos. Nestes bairros, serão pavimentadas 54,7 mil m² de vias e refeitas as sarjetas, além do nivelamento de tampões de poços de visita, reforma de 302 bocas de lobo e a desobstrução de 5,3 mil m² de galerias pluviais.

Todas as vias do Caneleira serão contempladas e, do São Jorge, a Avenida Francisco Ferreira Canto, ruas Agripino Correia da Silveira, Alan Ciber Pinto, Pref. José Monteiro, Luiz Di Renzo, Cel. Francisco Júlio César Alfieri, Dr. Luiz de Campos Moura, Eduardo Alves, Fritz Gut, Maurício Moura, Eng. Gercino Hugo Caparelli e um trecho da Gastão Bousquet.

Com estes dois novos convênios do Dade, Santos e o Governo do Estado já formalizaram neste ano 10 parcerias para a liberação de R$ 31,3 milhões voltados a obras de desenvolvimento turístico.

foto Raimundo Rosa

b_250_120_16777215_00_images_camara_RAIMUNDO_ROSA_4031.JPG